Filmes

Filme de Domingo: Lift Me Up

Título Original: Lift Me Up

Lançamento: 2015

Diretor: Mark Cartier

Gênero: Drama familiar.

Sinopse: Uma adolescente, que recentemente perdeu a Mãe, encara os desafios do Ensino Médio e seu super restrito padrasto. Através de crescimento pessoal e uma surpreendente dedicação a dança, ela aprende a encontrar paz e felicidade na Família. (via: Filmow)

Trailer:

Opinião do Bananas: Filme sobre perda familiar, com cenas e história simples. Contudo achei bem emotivo em certas cenas, um pouco previsível mas consegue transpor que em meio a perda da pessoa pela qual você se espelha é normal sentir e expressar o que sente, se sentir perdido sem saber como agir ou quer fazer.

Sentimentos reprimidos levam a péssimas decisões.

Sentir e se permitir sofrer é a única forma de seguir em frente.

03 bananinhas

 

Anúncios
Filmes · Uncategorized

Filme de Domingo: Overboard

Título Original: Overboard

Título: Um pulo para a felicidade

Lançamento: 1987

Diretor: Garry Marshall

Gênero: Comédia Romântica.

Sinopse: Após maltratar um rude marceneiro, uma milionária esnobe cai de seu iate e acaba perdendo a memória. O sujeito, ao perceber a amnésia da patroa, busca se vingar tentando convencê-la de que é seu marido. Agora, ela viverá uma vida simples e sem luxo. (via: wikipédia)

Trailer: 

E o Remake de 2018:

tulo Original: Overboard

Título: Um salto para a felicidade

Lançamento: 2018

Diretor: Rob Greenberg

Gênero: Comédia Romântica.

Sinopse: Kate é uma trabalhadora que luta para sustentar três crianças, mas acaba sendo injustamente demitida pelo milionário e egoísta Leonardo. Porém, a rotina do ricaço muda completamente quando acorda com amnésia após um acidente. Como forma de vingança, Kate decide fingir que é sua esposa e coloca Leonardo para trabalhar pela primeira vez em sua vida.

Trailer:

Opinião do Bananas: Uma nova moda se estabeleceu no mundo cinematográfico, que é os remakes com inversão de gênero nos personagens. Nesse caso, no primeiro filme a mulher que era a riquinha esnobe e no remake o homem que é o playboy da vez.

Ambos os filmes são divertidos, o primeiro de 1987 é bem exagerado mas apaixonante da mesma forma, além de arrancar boas risadas.

Ótimos filmes pra assistir com a galera.

04 bananinhas

Livros

Madame Bovary- Gustave Flaubert

Autor: Gustave Flaubert

Lançamento: primeira publicação em 1856, mas minha edição é a da Abril Coleções de 2010.

Páginas : 448

Título Original: Madame Bovary

Tradução: Fúlvia M. L. Moretto

Gênero- Categoria: Literatura Francesa/ Drama

Editora: Clássicos Abril Coleções

Sinopse: Retirado do site do Grupo Companhia das letras: “Madame Bovary, publicado pela primeira vez em 1856, ainda é uma história atual sobre desilusão, infidelidade e a busca da felicidade. Revolucionário em sua época, foi o primeiro romance a exprimir a extenuante busca de Gustave Flaubert pela perfeição.”

Opinião do Bananas:

-Sobre a edição: A que me pertence é elaborada pela Abril Coleções Clássicas, encadernada em tecido, com marcador de cetim embutido, muito linda com um “ar” vintage (de livro antigo mesmo que fica morto de lindo na estante).

-Sobre a história: Este romance realista trás diversos assuntos preocupantes para a época em que foi publicado e que hoje ainda acontecem, como transtorno de comportamento/ personalidade, frustração com a vida conjugal, infidelidade, e outros. Na história, Emma pensava que sua vida seria diferente, cheia de luxos, mais interessante e não uma vidinha monótona em uma pequena vila pacata. Por sentir esse vazio e ânsia de algo mais acaba buscando aventuras, adquirindo débitos enormes dos quais não tem condições de pagar, amores avassaladores nos braços de outros que para a mesma era uma constante busca por romances descritos nos livros que lia.

Emma vive constantemente insatisfeita com a vida que leva, refletindo seu desagrado em sua filha e no esposo sem consideração e grande egoísmo.

Devido ao grande impacto causado até hoje por este clássico criou-se o termo na Psicologia,  Síndrome de Madame Bovary ou Bovarismo, quando nada trás felicidade devido a negação de sua realidade.

-Sobre a leitura: A única coisa que me deixou bem chateada nessa leitura foi a lentidão em que se desenvolve, porém entendo que é devido a escrita, pois o mesmo foi escrito em 1858 e ao longo dos anos foi adaptado e traduzido mas a forma coloquial permanece pois é a parte da essência do livro. Leitura super arrastada.

04 bananinha… só não ganha mais pela lentidão.

Livros

A Liga Extraordinária, Volume Um- Alan Moore e Kevin O’Neil

Autor: Alan Moore e Kevin O’Neil

Lançamento: BR 2010 (Começou a ser publicado em 1999)

Páginas : 418

Título Original: The League of Extraordinary Gentlemen

Tradução: Fábio Fernandes e Fabiano Denardin

Gênero- Categoria: História em Quadrinho.

Editora: Panini Books

Sinopse: Em 1999, o celebrado e lendário roteirista Alan Moore se juntou a seu compatriota ilustrador Kevin O’Neill para trazer ao mundo uma de suas criações mais geniais: um grupo de “heróis” a serviço de sua majestade a rainha da Inglaterra no final do século 19.

Até aí, nada demais… mas a grande diferença é que Moore e seu comparsa resolveram convocar para seu pequeno grupo de agentes secretos as maiores figuras literárias do período. Mina Murray, Capitão Nemo, Allan Quatermain, Mr. Hyde e o Homem-Invisível: são esses párias e heróis esquecidos que terão que livrar o império de uma ameaça nunca antes vista em nenhum dos clássicos livros dos quais fizeram parte! ( Via: hotsite panini)

Opinião do Bananas: Edição linda, capa dura, cheia de extras, roteiros, ilustrações originais.

A Liga Extraordinária é um grupo de personagens derivados outras Literaturas famosas, por exemplo Drácula, Mil léguas submarinas, As minas do Rei Salomão, O Médico e o monstro, O retrato de Dorian Gray, etc (é tipo uma meia versão britânica, gótica e literária dos Vingadores rsrs)

As Edições Definitivas são compostos por 3 volumes e um spin off, o volume 1 contém os quadrinhos do 1 ao 6. Lembrando também que a Liga é parte do universo DC Comics (em parte eu acho).

05 bananinhas

 

Filmes

Filme de Domingo: A Liga Extraordinária

Título Original: The League of Extraordinary Gentlemen

Lançamento: 2003

Diretor: Stephen Norrington

Gênero: Ação, Aventura, Fantasia.

Sinopse: Em mundo alternativo da Época Vitoriana, um grupo de personagens de contos Britânicos de aventura, ficção científica e fantasia formam um time em uma missão secreta.

Trailer: 

Opinião do Bananas: Filme baseado nos quadrinhos de Alan Moore mesmo autor de  V de Vingança.

Um tanto diferente do quadrinhos (acrescentaram o personagem de Tom Sawyer)  mas ainda bem divertido de assistir, vou falar mais sobre a Liga no post dos quadrinhos. Filme com muita ação, e fantasia.

03 bananinhas

Livros

Em Busca de Esperança- Ellen G. White

Autora: Ellen G. White

Lançamento: 2016

Páginas : 80

Título Original: The story of Redemption

Tradução: Ivan Schmidt

Gênero- Categoria: Religioso, Adventista.

Editora: Casa Publicadora Brasileira

Sinopse: Como lar dos seres humanos, a Terra tem sido o palco de um conflito milenar, em que o mal parece muitas vezes prevalecer. Guerras, terremotos, devastações, doenças… Até quando tudo isso vai durar?

Opinião do Bananas: Já deixo claro que não sigo nenhum vertente religiosa, contudo recebi este livro de presente e decidi abrir a mente para esta leitura.

O livro inteiro é uma grande pregação sobre a queda dos anjos e a corrupção do homem e até quando toda nossa existência durará.

Somos levados ao erro pela capa e o título do livro pois através da arte da capa imaginamos ser um conto ou uma história pessoal  e não uma releitura da Bíblia, já o Título original do livro em uma tradução livre significa A História da Redenção que encaixa melhor com o conteúdo e não vejo por que foi traduzido para Em busca de Esperança que não tem nada haver com o livro.

Este é uma explicação resumida e interpretada da criação.

Sobre a escrita, não sei se foi um problema com a tradução mas tem muitas passagens repetitivas de deixam a leitura cansativa.

01 bananinha

Culinária

Brownie fácil

Ingredientes:

6 colheres de sopa de chocolate em pó;

1 xícara e meia de açúcar (usei açúcar demerara);

2 ovos grandes;

1 xícara de farinha de trigo;

100 gramas de manteiga derretida  (aprox. 2 colheres  de sopa e meia);

1 colher de chá de essência de baunilha (opcional);

3/4 de colher de chá de fermento;

3/4 colher de de chá de sal.

*Já deixe a forma untada com manteiga e trigo*

Modo de preparo: 

Em uma tigela misture todos os ingredientes secos;

Derreta a manteiga sem deixar ferver;

Bata os ovos com um garfo;

Misture aos poucos os ingredientes secos e os molhados;

Misture bem até formar uma massa (em caso de dificuldade acrescentar 2 a 4 colheres de sopa de leite);
Despeje em uma forma untada e leve ao forno pré aquecido a 180º por exatos 30 minutos.

 

Desenforme e corte em quadradinhos iguais.